Google+ Followers

sexta-feira, 29 de maio de 2015

O que significa namorar?

O que significa namorar????

  Namoro é tempo de convivência de conhecimento de conquista com vistas a relacionamento afetivo mais profundo , maduro intenso,  que é o casamento. Outra definição seria o tempo em que se verificam as qualidades, características a personalidade do outro, se esta pessoa apresenta os requisitos mínimos que sejam para a constituição do casamento. Tempo de encantamento de leveza suavidade e descobertas  o namorar proporciona grande sensação de alegria de contentamento. A bíblia em Gênesis 2.18 parte A do versículo nos diz:
Não é bom que o homem esteja só. Nós fomos feitos para nos relacionarmos para vivermos em comunhão com Deus e com o próximo. Nascemos, crescemos, estudamos,  trabalhamos, e  morremos em equipes em  grupo. E a maior parte da existência humana as pessoas passam casadas e pra isso precisam se preparar , conhecer a família os hábitos os costumes princípios valores . Ex :  a namorada gosta de filmes de drama e ele de suspense . Ela foi habituada a comer massas aos domingos, gosta de reunir todos os domingos para fazerem suas refeições juntas .Ele a praticar esportes justo aos finais de semana. Um gosta de musicas clássicas outro de Rock enfim é no tempo de namoro que se  descobre os gostos , preferências e necessidades,  bem como se aprende a negociar as diferenças. O Namoro é aquela amizade mais estreita onde os enamorados se deleitam com a presença do outro tudo querem fazer juntos: passear , comer, ouvir música, assistir filmes, viajar e alguns  até estudar. O simples fato de se ouvir a voz da pessoa amada já traz felicidade, o sol fica mais bonito a vida mais suave, o tempo do   riso farto. O namoro acaba com a chegada do casamento? Não, ao menos não deveria e a bíblia nos fala disso também,  mais isso é tema para outro texto .  Os casais que  tiveram namoros curtos  certamente terão mais barreiras para serem superadas , mais dificuldades para tomada de decisões frente aos dilemas do dia a dia.           
                                                                                                    by Eliana A.Santos - psicóloga.

Nenhum comentário:

Postar um comentário